Linhas urbanas que atendem a ETEC de Nova Odessa passam a ter ponto de parada em frente à unidade escolar

Por Redação 19/06/2022 - 20:04 hs

Atendendo a um pedido do prefeito Cláudio José Schooder, o Leitinho, do vereador Professor Antonio e da direção da própria ETEC (Escola Técnica Estadual), já a partir da próxima segunda feira (dia 20/06), o ponto de parada das linhas de ônibus do Transporte Coletivo Urbano (Municipal) que atendem à instituição de Ensino Técnico será alterado para as proximidades da portaria, na Rua das Castanheiras, já próximo à esquina com a Avenida São Gonçalo.

“A alteração vale para todos os horários de entrada e saída das aulas, e visa dar mais segurança e comodidade aos alunos. A Prefeitura está assim atendendo a um apelo da própria comunidade escolar, com autorização do prefeito”, explicou o diretor de Transportes da Prefeitura, André Gazzetta.

A alteração havia sido uma das pautas do recente encontro do prefeito com a nova diretora da ETEC Nova Odessa, Vânia Rosa Figueiredo Izidoro, no último dia 26/05. Ela foi acompanhada pela relações públicas Nathalia Favarelli Linea. Também participaram da reunião o vereador Professor Antonio, o secretário de Desenvolvimento, Rafael Brocchi, e o diretor de Transportes, André Gazzetta.

O gestor lembrou ainda que, no final do ano passado, atendendo a um pedido do vereador Tiãozinho do Klavin, a Diretoria de Transportes fez com que as três linhas que atendem à região da cidade onde está situada a instituição passassem a atender à ETEC, parando inicialmente na rua de trás (antes o ponto de parada mais próximo ficava “a três quarteirões”). “E hoje, atendendo a pedidos, o ônibus irá parar praticamente defronte a portaria”, completou Gazzetta.

A ETEC é atendida atualmente pelas linhas 405 (com rota pelas Ruas Jequitibás, Ipês, Flamboyant, Castanheiras e novamente Jequitibás), 440 (passando pelas Ruas Jequitibás, Ipês, Flamboyant, Castanheiras e Jequitibás) e 415 (passando pelas Ruas Tamboril, Ipês, Flamboyant, Castanheiras e Tamboril).

No início de junho, pela primeira vez na história da cidade, o prefeito Leitinho decretou a redução ao usuário da tarifa do Transporte Coletivo Urbano (Municipal) de Nova Odessa para R$ 3.00. Até então, o valor vinha fixado desde meados de 2019 em R$ 3,10 por “passagem”.

A redução foi possível graças à aprovação, pela Câmara de Vereadores, de um projeto de lei também proposto por Leitinho, com uma alteração na legislação vigente sobre o tema. A alteração permitiu o aumento do valor do subsídio pago pela Prefeitura por cada “passagem” utilizada pelos moradores da cidade, restabelecendo o equilíbrio econômico-financeiro do contrato de concessão vigente ao mesmo tempo em que reduziu o valor cobrado nas catracas ou debitado dos cartões.

Com a aprovação do Legislativo à proposta do prefeito, o subsídio ao usuário, que era de R$ 2,42, foi reajustado para R$ 3,64 por tíquete. O subsídio foi criado pela Lei Municipal nº 2.497/2011 e vem sendo pago pela Prefeitura desde então (ou seja, ao longo dos últimos 11 anos, ininterruptamente).