Seja bem vindo
Sumaré,20/04/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Píer do Mini Pantanal no Parque da Represa está abandonado

Local que sofre com a falta de manutenção por parte da Prefeitura, está infestado de aranhas e com muito lixo espalhado

Fonte: Leandro Pereira MTB 54314
Píer do Mini Pantanal no Parque da Represa está abandonado

Quem visita o píer do Mini Pantanal no Parque da Represa, em Paulínia, percebe facilmente a falta de manutenção do local. Após nossa reportagem receber reclamações de moradores e turistas que o espaço está em estado de abandono, fomos até lá para conferir a situação.

De fato, as queixas procedem. Logo na entrada do píer, encontramos muito lixo revirado e jogado pelo chão e o piso de entrada parcialmente quebrado. O único banheiro aberto ao público estava totalmente sujo, sem iluminação, com rachaduras no teto e alguns vidros quebrados. O único bebedouro que encontramos parece abandonado há anos.

No espaço de convivência dos visitantes, a falta de manutenção é evidente, com luzes acesas durante o dia, muita sujeira e várias aranhas no teto. Aliás, a presença desse animal peçonhento, chama atenção, pois encontramos muitos deles por quase toda área de visitação do Mini Pantanal. Algo preocupante, que mostra a falta de cuidado do poder público, já que é evidente, pela quantidade de animais, que o lugar não passa por uma dedetização há muito tempo.

A grande quantidade de aranhas no local pode provocar risco aos visitantes, especialmente para as crianças, já que a picada desse aracnídeo reage de forma mais acentuada nos pequeninos do que nos adultos. Encontramos aranhas até mesmo em um brinquedo destinado a crianças, um tipo de casinha de madeira, que com certeza nenhum pai ou mãe deve deixar seu filho chegar perto.

O píer do Mini Pantanal já foi um ponto turístico muito importante de Paulínia, recebendo milhares de visitantes, mas com o passar dos anos, acabou ficando abandonado por várias administrações que passaram pela Prefeitura. Em 2020, ocorreu uma obra para construção do novo centro de convivência, mas desde então, segundo os moradores do entono, o local voltou a ser esquecido pela Prefeitura.

Entramos em contato com a Prefeitura de Paulínia para saber sobre a manutenção do Mini Pantanal, mas até o momento não recebemos retorno.




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login